domingo, 23 de janeiro de 2011

Para a minha irmã *contém spoilers*

Começo já por dizer que não vi o filme 'Para a minha Irmã', cujo argumento foi baseado no livro de Jodi Picoult.

Ao entrar na adolescência, Anna procura um advogado, para pedir emancipação médica e ser dona das suas próprias decisões. A razão? A irmã, Kate, tem um tipo muito específico de leucemia e apenas um dador 100% compatível poderá salvá-la. E esse dador é Anna, que foi concebida geneticamente compatível com Kate.

O livro é uma sucessão de flashes e de narradores, assumidos pelas personagens de Jesse (o irmão mais velho), Brian (o pai), Sara (a mãe), Campbell (o advogado), Julia (a tutora nomeada) e pela própria Anna.

Não sei se leram ou não o livro, se viram ou não o filme, apenas avanço que, no final, há um twist absurdo que altera tudo aquilo que poderemos considerar um final feliz. Procuravam um? Não é aqui, certamente.

Não vou deixar a capa do livro; podem encontrá-lo em qualquer escaparate. Deixo-vos com o trailler e a promessa que irei vê-lo.

Sem comentários:

Enviar um comentário