sábado, 25 de junho de 2011

Raptada na noite, de Patricia MacDonald

Tenho por hábito nunca ler só um livro de cada vez; às vezes, dou por mima ler três (ou quatro) livros em simultâneo. Parece esquizofrénico. Confesso que é, mas não consigo ser de outra forma.

Por exemplo: recomecei há algum tempo a ler "As Brumas de Avalon" e ainda não terminei o 3.º, porque entretanto foram-se metendo outros pelo meio e a mala não consegue transportar muitos livros em simultâneo.

Um dos livros que esteve na minha mesa-de-cabeceira até há pouquíssimo tempo foi "Raptada na noite", da autora Patricia MacDonald, uma edição do Círculo de Leitores.

Sinopse do livro, no site do Círculo de Leitores:
Tess tem de voltar a Stone Hill, na Nova Inglaterra. Seguiu em frente, é hoje uma mulher independente, forte, uma boa mãe. Mas algo a chama de volta à cidade de infância. Chamam-nas as boas e as más memórias. Há anos atrás, numa divertida saída em família a irmã foi raptada e morta. Só Tess assistiu ao rapto e o seu testemunho foi vital para a condenação de Lazarus Abbot. Agora, quando o passado parecia já sarado, um teste de ADN prova a inocência de Abbot e lança a dúvida: quem matou afinal a sua irmã?

Desta autora, já tinha lido "Casada com um desconhecido", cuja sinopse está aqui: link.

Sem comentários:

Enviar um comentário