domingo, 13 de setembro de 2015

Assassin's Creed, de Oliver Bowden


Terminei ontem, o primeiro volume da saga Assassin's Creed, cujo protagonista é Ezio Auditore.

Não é um livrão que vá recordar para todo o sempre, mas entretém o suficiente. Além de que, e este recado é para quem seguiu a série televisiva Os Bórgãos, encontramos por lá muita gente conhecida. 

E para quem é fã da saga em videojogo, o livro segue o roteiro do jogo.  

Sinopse retirada do site Wook:
"Traído pelas famílias que governam Itália, um jovem embarca numa épica busca por vingança. Para acabar com a corrupção e restaurar a honra da sua família, ele terá que aprender a Arte do Assassino. Pelo caminho, Ezio terá que apelar à sabedoria de grandes mentes como Leonardo Da Vinci e Niccolo Machiavelli, sabendo que a sobrevivência está dependente da sua perícia. Para os seus aliados ele será uma força para trazer a mudança lutando pela liberdade e pela justiça. Para os seus inimigos ele será uma ameaça que procura destruir os tiranos que oprimem o povo de Itália. Assim começa uma história épica repleta de poder, vingança e conspiração."

Sem comentários:

Enviar um comentário